7.7.08

semear violência

Um estudo divulgado hoje revela que a violência no contexto relacional se inicia nas fases mais precoces do ciclo vital da família, na fase de formação do casal: no namoro.
"A violência nas relações amorosas entre os 15 e os 25 anos atinge 25 por cento dos jovens, notícia o DN desta segunda-feira [07/07]. Os jovens agridem-se cada vez mais cedo e admitem também a violência sexual". Oiça a reportagem na TSF.

1 comentário:

vânia disse...

Situações cada vez mais frequentes, mas raras vezes de conhecimento público.
Assisti recentemente a uma formação realizada pela Comissão para a Cidadania e Igualdade de Género, em que o respectivo tema foi abordado, para surpresa de muitos dos presentes, inclusive para mim. E, de facto, uma das ideias salientidas é a tendência à naturalização dos actos de violência dos quais são alvo muitas jovens.
Pessoalmente julgo que tais ocorrências têm implícito um conjunto de factores, quer de ordem emocional, quer social que é necessário decifrar, de modo a facilitar a compreensão e detectação de tais situações.