28.6.10

amanhã vou espreitar a reunião da:

Social Work and Health Inequalities Network
http://www2.warwick.ac.uk/fac/cross_fac/healthatwarwick/research/devgroups/socialwork/swhin/

3 comentários:

Maria Rita disse...

Será possível depois aceder a algumas conclusões? O Serviço Social deverá ser mesmo visto como uma especialidade na saúde?

Duarte disse...

E esta hein?:
"Ministra quer que médicos olhem para enquadramento socioeconómico de doente. A ministra da Saúde apelou aos médicos para que olhem para o enquadramento socioeconómico do doente quando prescrevem medicamentos (...) «Aos médicos, que decidem a melhor terapêutica para o doente, pedimos que olhem para a pessoa que têm à sua frente, não apenas do ponto de vista clínico, mas tendo em conta o seu enquadramento socioeconómico»" http://tsf.sapo.pt/PaginaInicial/Portugal/Interior.aspx?content_id=1603765

Querem ver que agora os Srs. Drs. vão ter que tirar um curso de Serviço Social para começarem a fazer avaliações sociais?... Enfim, se a generalidade dos médicos nem passa cartão aos assistentes sociais da saúde, quanto mais olharem para o enquadramento sócioeconómico dos doentes. Era preciso que se gerasse uma cultura de articulação entre os médicos e os assistentes sociais, mas para isso seria necessário um aumento de assistentes sociais em particular nos centros de saúde. Se há centros que nem um têm...

S Guadalupe disse...

Maria Rita, eles defendem precisamente o contrário, numa visão transversal das questões de saúde.

Pois Duarte... que dizer?! É tão óbvia a necessidade de investimento nesta área...